EICMA 2019 – BMW F 900 XR

Com um motor bicilíndrico paralelo mais encorpado, a nova F 900 XR torna-se no mais recente membro da família sport-touring da BMW Motorrad. Fique a conhecer a F 900 XR em detalhe.

andardemoto.pt @ 7-11-2019 12:35:49

Depois de consolidar a sua posição no segmento sport-touring com a S 1000 XR, uma moto que deriva em parte da superdesportiva S 1000 RR, a BMW Motorrad decidiu alargar o conceito XR para outras cilindradas. Assim, para 2020, chega a nova F 900 XR.

A F 900 XR equipa um motor bicilíndrico paralelo que a BMW Motorrad apresentou na F 850 GS em 2018. No entanto a unidade motriz da F 900 XR recebe algumas alterações que o tornam mais encorpado. A cilindrada sobe para os 895 cc dos anteriores 853 cc. Com isso a marca alemã conseguiu aumentar a potência para os 105 cv e oferecer uma curva de binário mais “cheia”.

De facto a BMW Motorrad destaca que grande parte dos 92 Nm de binário ficam disponíveis a partir das 4500 rpm, e mantém-se em crescendo até às 8500 rpm.

A BMW Motorrad alterou a estrutura interna do motor. Os pistões têm um diâmetro de 86 mm, um aumento de 2 mm. As cabeças dos cilindros são agora maquinadas, e os anteriores pistões fundidos passam a ser forjados para resistência extra.

Para suavidade extra este motor está equipado com dois veios de equilíbrio opostos, ou seja, um está posicionado à frente da cambota, enquanto o outro fica posicionado atrás da cambota.

O sistema de escape curto e em posição baixa adiciona uma componente emocional mais vincada, e o motor conta ainda com embraiagem deslizante de série. Adicionalmente a F 900 XR pode ser equipada com o sistema MSR, um sistema novo e que controla o binário, que previne o deslizar da roda traseira seja em aceleração ou nas reduções de caixa mais agressivas.

De série a F 900 XR conta com dois modos de condução (Rain e Road), mas é possível expandir as opções adquirindo os modos de condução Pro (Dynamic e Dynamic Pro). Neste caso a F 900 XR passará a contar com controlo dinâmico de tração (DTC), ABS com função em curva, controlo dinâmico da travagem (DBC), e o MSR passa a estar automaticamente instalado.


Em termos de ciclística, a nova F 900 XR conta com um quadro tipo ponte que conta com o motor bicilíndrico paralelo como elemento estrutural, e a BMW Motorrad decidiu recolocar o depósito de combustível no seu local mais convencional. Assim, o condutor terá à sua frente o depósito de combustível.

De referir que o novo depósito de combustível, com capacidade para 15,5 litros no caso da F 900 XR, é fabricado em plástico para garantir que é o mais leve possível. Na traseira o subquadro aparafusado ao quadro principal foi totalmente redesenhado para ser mais compacto. Tal como o quadro, o subquadro é fabricado em aço.

De série a F 900 XR conta com suspensões convencionais mecânicas. Mas a BMW Motorrad permite fazer um “upgrade” considerável a estes elementos da ciclística ao disponibilizar, como opcional, o sistema Dynamic ESA.

Desenvolvido para melhorar a dinâmica do conjunto, e ao mesmo tempo o conforto, o Dynamic ESA ajusta automaticamente o amortecimento do amortecedor traseiro conforme as necessidades durante a condução e também dependendo do tipo de manobras que estamos a realizar aos comandos da F 900 XR.

A iluminação é totalmente em LED, mas mais uma vez a BMW Motorrad permite melhorar este componente com a instalação do pacote opcional Headlight Pro. Este opcional adiciona iluminação em curva que melhora a forma como a estrada à nossa frente é iluminada, uma característica importante tendo em conta que a F 900 XR é uma moto para viajar e muitas vezes as condições de visibilidade não são as melhores.

E numa moto capaz de percorrer longas distâncias, a BMW Motorrad teve em conta a posição de condução específica de uma sport-tourer. Apesar da posição de condução descontraída e elevada, ainda assim a F 900 XR é uma moto com um espírito desportivo. O ecrã frontal é ajustável, o que garante proteção aerodinâmica a velocidades mais elevadas.

Por detrás do ecrã frontal encontramos um painel de instrumentos TFT a cores e com uma generosa dimensão de 6,5 polegadas. Este painel permite a ligação com o telemóvel, e se a F 900 XR estiver equipada com os modos de condução Pro é possível selecionar diferentes estilos de visualização das informações.

Opcionalmente a BMW F 900 XR pode estar equipada com ignição “keyless” e ainda com sistema inteligente de emergência, que rapidamente emite um pedido de ajuda em caso de queda ou outro problema.

Só nos resta referir as cores em que a nova BMW F 900 XR estará disponível: no estilo Exclusivo a XR de média cilindrada vem em Galvanic Gold metalizado, enquanto no estilo Sport a BMW pinta as carenagens de Racing Red. A cor Light White também fará parte das opções.


Galeria BMW Motorrad F 900 XR

andardemoto.pt @ 7-11-2019 12:35:49


Clique aqui para ver mais sobre: MotoNews