Dakar 2020 – 11ª etapa: Quintanilla bem tentou, mas Brabec tem vitória na mão

A 11ª etapa do Rali Dakar terá sido a última verdadeira oportunidade para Pablo Quintanilla tentar roubar a vitória quase certa de Ricky Brabec. O chileno venceu o dia e encurtou muito a diferença para o piloto da Honda, que ainda assim mantém o principal rival à distância e sob controlo. António Maio foi o melhor português em 19º.

andardemoto.pt @ 16-1-2020 11:30:00

Completada a 11ª etapa desta 42ª edição do Rali Dakar, falta agora apenas um dia para dar por concluída a edição de 2020 desta que é a prova de todo-o-terreno mais dura do mundo. Pablo Quintanilla (Rockstar Energy Husqvarna) sabia que tinha de dar o tudo por tudo na ligação entre Shubaytah e Haradh, e a verdade é que o piloto chileno fez o que tinha a fazer.

Venceu a etapa com 9 segundos de vantagem para Matthias Walkner (Red Bull KTM Factory), tendo outro piloto oficial KTM, Luciano Benavides, terminado na terceira posição do dia com 2m48seg de atraso para Quintanilla.

No entanto, o maior interesse esteve na luta pela liderança do Rali Dakar. Ricky Brabec (Monster Energy Honda) entrou nesta penúltima etapa com mais de 25 minutos de vantagem para Pablo Quintanilla, mas ao ser o segundo piloto a arrancar para a etapa, Brabec acabou por deixar escapar bastante tempo a favor de Quintanilla, que assim ganhou 11m48seg ao líder da Geral.

Com estes resultados, a luta pela vitória final continua a estar bastante favorável para Ricky Brabec e também para a Honda, que está agora a um pequeno passo de garantir a vitória no Rali Dakar e terminar com um reinado de 18 anos da KTM.

No entanto a Husqvarna e Pablo Quintanilla ainda podem ter uma palavra a dizer, e os 13m56seg que separam os dois pilotos na Geral podem esfumar-se num instante caso Brabec cometa um erro ou sofra outro problema, pelo que os últimos 374 km de especial cronometrada que fazem parte da 12ª etapa do Dakar, que ligará Haradh a Qiddiya, serão extremamente interessantes de seguir!

No pódio da classificação Geral temos ainda Toby Price (Red Bull KTM Factory), com o ainda campeão em título a aproveitar da melhor forma um dia menos bom de Joan Barreda (Monster Energy Honda) para regressar ao terceiro posto deste Rali Dakar.


Quem também voltou a estar em bom plano numa etapa da atual edição do Dakar foi o português António Maio (Yamaha Fino Motor Racing). O 19º tempo voltou a deixar Maio como melhor português numa etapa, com Mário Patrão (KTM Factory) a ser 33º e Fausto Mota (XRaids Team) a não terminar muito mais atrás, mais precisamente em 35º.

O dia fica ainda marcado por novo acidente grave com um piloto das motos. O holandês Edwin Straver sofreu uma queda entre os “waypoint” 2 e 3, quando rodava a cerca de 50 km/h. Infelizmente o piloto caiu mal, esteve com o coração parado durante 10 minutos até que conseguiram reanimar o piloto e transportar para o hospital de Ríade.

Edwin Straver encontra-se em estado crítico, com uma vértebra cervical partida.

Classificação da 11ª etapa do Rali Dakar

1- Pablo Quintanilla (Husqvarna)
1- Matthias Walkner (KTM) +00m09seg
3- Luciano Benavides (KTM) +2m48seg
4- Jose Ignacio Cornejo (Honda) +2m53seg
5- Toby Price (KTM) +5m49seg
19- António Maio (Yamaha) +25m22seg
33- Mário Patrão (KTM) +53m09seg
35- Fausto Mota (XRaids) +1h06m35seg


Classificação Geral do Rali Dakar

1- Ricky Brabec (Honda)
2- Pablo Quintanilla (Husqvarna) +13m56seg
3- Toby Price (KTM) +22m34seg
27- António Maio (Yamaha) +6h07m15seg
31- Fausto Mota (XRaids) +8h25m53seg
32- Mário Patrão (KTM) +8h28m40seg

Resultados da 1ª etapa do Rali Dakar

Resultados da 2ª etapa do Rali Dakar

Resultados da 3ª etapa do Rali Dakar

Resultados da 4ª etapa do Rali Dakar

Resultados da 5ª etapa do Rali Dakar

Resultados da 7ª etapa do Rali Dakar

Resultados da 9ª etapa do Rali Dakar

Resultados da 10ª etapa do Rali Dakar

andardemoto.pt @ 16-1-2020 11:30:00


Clique aqui para ver mais sobre: Esportes