MotoGP – Sessão de testes extra durante o GP da Austrália

Fornecedor único de pneus da categoria rainha do Mundial de Velocidade pediu uma sessão extra de testes. Pilotos de MotoGP vão poder testar durante 20 minutos um novo pneu slick traseiro que a Michelin pretende incorporar para uso na temporada 2020.

andardemoto.pt @ 4-10-2019 19:14:27

As sessões de testes são extremamente importantes em qualquer vertente do desporto motorizado, e em MotoGP os fabricantes conseguem testar diversos componentes que permitem melhorar a performance das suas motos. Mas as sessões de testes não são apenas vitais para os fabricantes de motos.

Na realidade a Michelin, fornecedor único de pneus para a categoria MotoGP, conta com os testes para desenvolver novos pneus slick que depois são usados pelos pilotos que definem as suas estratégias de corrida de acordo com a performance dos pneus franceses.

No sentido de continuar o desenvolvimento e validação de um novo pneu slick traseiro, com um composto que já foi testado em Barcelona, Brno e Misano, a Michelin pediu para que durante o primeiro dia do Grande Prémio da Austrália, depois de realizadas todas as sessões de treinos livres de todas as categorias, os pilotos de MotoGP voltem ao circuito de Phillip Island para uma sessão de testes extraordinária.


A Michelin tem vindo a desenvolver um novo pneu slick traseiro que conta com uma construção assimétrica e um composto que é específico para enfrentar curvas mais largas, onde as MotoGP atingem velocidades elevadas e ângulos de inclinação pronunciados.

Cada piloto vai receber um pneu slick traseiro deste tipo, os pilotos poderão selecionar entre composto médio ou mole de acordo com as suas preferências e temperatura do asfalto australiano, e a Michelin fornece também um pneu extra para a frente, neste caso no composto que cada piloto preferir.

A sessão de teste que vai acontecer a pedido da Michelin m Phillip Island terá uma duração de 20 minutos, e nesse tempo os pilotos terão de percorrer, no mínimo, 11 voltas cronometradas.

O teste apenas irá acontecer caso as condições climatéricas permitam aos pilotos utilizar os pneus slick, sendo também de notar que os tempos obtidos por cada piloto durante esta sessão Michelin não servem para a classificação do Grande Prémio da Austrália, servindo os tempos por volta apenas para referência da Michelin.

andardemoto.pt @ 4-10-2019 19:14:27


Clique aqui para ver mais sobre: Esportes