MotoGP – Quartararo continua imparável e Miguel Oliveira a menos de 8 décimas do topo

No segundo dia dos testes IRTA de MotoGP a decorrer no circuito de Sepang, o piloto da Petronas Yamaha SRT continua num ritmo imparável! Fabio Quartararo continua como o mais rápido num dia em que Miguel Oliveira terminou com o 16º tempo e a KTM revelou estar pronta para usar os pneus mais macios com Dani Pedrosa a ser o terceiro melhor.

andardemoto.pt @ 8-2-2020 20:03:56

Ao segundo dia dos testes oficiais IRTA de MotoGP no circuito malaio de Sepang, o francês Fabio Quartararo continua a não dar hipóteses aos seus rivais mais diretos. O piloto da Petronas Yamaha SRT, que recentemente assinou contrato com a Monster Energy Yamaha para 2021 e 2022, voltou a repetir a dose do primeiro dia e liderou a tabela de tempos.

Com a melhor volta em 1m58.572s, Quartararo, que foi o segundo piloto que mais voltas cumpriu apenas batido por Tito Rabat com 77 voltas contra as 72 do francês, deixou o segundo melhor, Jack Miller (Pramac Ducati) a 0.069s.

O terceiro mais veloz em pista foi, de forma algo surpreendente, o espanhol Dani Pedrosa. Já sabemos que Pedrosa, apesar de retirado da competição desde início de 2019, continua muito rápido, mas o espanhol fez questão de mostrar que em Sepang a KTM RC16 está já num bom estágio de evolução, rodando a menos de uma décima de Quartararo.



Num dia em que o campeão Marc Marquez (Repsol Honda) caiu, com o piloto espanhol a não saber explicar o porquê da queda, e com o seu irmão Alex Marquez na outra Repsol Honda a ser alvo de algumas críticas por causa de um momento mais “apertado” com Aleix Espargaró (Gresini Aprilia), o português Miguel Oliveira continua a trabalhar na afinação da sua KTM RC16.

Em conjunto com a Tech3, Miguel Oliveira cumpriu um total de 42 voltas ao traçado malaio, e o seu melhor tempo de 1m59.365s, deixa o piloto luso a menos de oito décimas do francês Fabio Quartararo.

Miguel Oliveira continua a trabalhar com a sua equipa no desenvolvimento da moto de 2020, mas ao mesmo tempo tem estado a cumprir menos voltas por dia e com paragens mais prolongadas em entradas em pista para resguardar o seu ombro direito, ainda enfraquecido da operação a que foi sujeito no final de 2019.

andardemoto.pt @ 8-2-2020 20:03:56


Clique aqui para ver mais sobre: Esportes